Tem Criança no Museu! Botânica e Zoologia

Com uma lupa e luvas nas mãos, neste segundo dia as crianças saíram rumo ao Horto Botânico do Museu Nacional para aprender sobre botânica, zoologia e a importância de cada ser vivo para a manutenção da vida na Terra. Mas antes de começar, as recepcionamos mais uma vez com a exibição de curtas de animação para que fossem introduzidas de maneira bem leve ao assunto e às descobertas que ainda estariam por vir. Aproveitamos esse momento inicial para assegurar que todas estivessem protegidas com repelente.

Quando o ônibus parou em frente ao MN, elas rapidamente embarcaram para o Horto à espera de mais uma aventura. Divididas em grupos de, no máximo, quatro crianças, elas tiveram de coletar e analisar os objetos que aparecessem pelo caminho da trilha guiada pela professora Heloísa Carvalho, a pedagoga Fátima Denise Fernandes e as estudantes Carolina Mattos e Jéssica Santos do Horto. Elas nos apresentaram a uma colmeia e explicaram sobre diversas árvores, tais como a Sapucaia, a Figueira e o Baobá.

Ao fim desta trilha “misteriosa”, como repetia sempre um dos pequenos, as crianças se sentaram para aprender a cultivar uma muda de Érica, espécie de planta que fica florida durante todo o ano e que pode alcançar até 30 cm de altura. As crianças foram orientadas a sempre regá-la um pouco pela manhã para que ela possa crescer e florescer de maneira saudável. (Papais e mamãe de plantão, fiquem de olho!)

Com uma sacola cheia de folhas, sementes, frutos, flores, galhos e raízes coletadas pelas crianças, retornamos ao Museu. Uma pequena pausa para o lanche e depois, em roda, cada uma falou sobre o que coletou e descobriu, com a pedagoga Sheila, a importância dessas folhas, a origem desse ou daquele fruto, como os pássaros ajudam no cultivo de novas árvores e assim por diante.

Por fim, as crianças ficaram livres para circular entre as diferentes oficinas propostas: artesanato, que consistia na produção de réplicas de animais e plantas com massa de modelar, e a exposição dos animais da coleção zoológica que foi subdividida em painéis para distinguir em que tipos de ambientes os animais apresentados vivem (cidade, floresta, mar) e as bandejas com exemplares da coleção de empréstimo. Desse modo, as crianças puderam tocar e pegar um tubarão de rabo seco, jararaca, polvo, arara azul, tucano, preguiça de coleira.

Já que tivemos atividades externas, foi um dia em que tivemos um cuidado redobrado com as crianças, mas não deixamos de rir e nos divertir ao lado delas. Todas muito inteligentes e curiosas, pareciam realmente pequenos e pequenas cientistas.

dscn2951

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s