Nova exposição: “A (R)evolução das Plantas” (5/07)

revolução

No dia 5 de julho será inaugurada a exposição de curta duração “A (R)evolução das Plantas”. Trata-se da primeira exposição da Coleção de Paleobotânica do Museu Nacional, a mais antiga instituição científica do país. Nessa exposição os visitantes encontrarão 140 fósseis, dentre os quais encontra-se uma “peça” de enorme relevância. Trata-se da amostra do primeiro vegetal fóssil coletado no país,  batizado de Psaronius brasiliensis  e descrito no ano de 1872 por Adolphe Brongniart, botânico do Museu Nacional de História Natural de Paris.

A nova exposição do Museu Nacional convida os visitantes  a realizar uma viagem pelo universo vegetal. Para tanto, a equipe da exposição, coordenada pela bióloga Dra. Luciana Witovisk e pelo Prof. Dr. Marcelo Carvalho, responsável pelo Laboratório de Paleoecologia Vegetal (LAPAV),  criou painéis de grandes dimensões compondo um cenário bastante colorido, com ilustrações feitas pelo paleoartista, Maurílio Oliveira.

Na exposição os visitantes poderão assistir a vídeos que tratam da evolução das espécies vegetais e poderão, no jardim sensorial, tocar em plantas de diferentes espécies. O público poderá, também, tocar em réplicas de fósseis de troncos e sementes, produzidas por um sacanner 3D no próprio Museu, em seu Laboratório de Processamento de Imagem Digital (LAPID). O objetivo, nesse caso, é o de possibilitar o acesso físico, mas também cognitivo, aos visitantes com deficiência visual. Ainda para esse público específico, está sendo elaborado um catálogo impresso em Braille e com letra ampliada, para ser utilizado respectivamente por pessoas cegas e por pessoas com baixa visão. Estas ações são iniciativas da Seção de Assistência ao Ensino (SAE), com apoio do Instituto Benjamin Constant – IBC.

A exposição contou com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro – FAPERJ, por meio de recursos do Programa “Apoio à difusão e popularização da ciência e tecnologia no Estado do Rio de Janeiro”.

A nova exposição de curta duração do Museu Nacional foi tema de uma reportagem do Jornal O Globo, do dia 30 de junho. Para ler essa matéria, acesse o link: http://oglobo.globo.com/rio/museu-nacional-festeja-195-anos-expondo-raridades-8858999

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s